Hiroshi Bogéa On line

Pra acordar boi

Imazon detectou o crescimento do desmatamento no Pará durante os meses de agosto, setembro e outubro.

Apesar de todos os dados científicos disponíveis, os carvoeiros não desistem do discurso de que a produção de carvão usa matéria-prima originária de resíduos florestais remanescentes de antigas derrubadas.

Os grileiros também fazem a festa nas terras indígenas dos Apyterewa e Mankaragnoti, atravessando a venda de madeira.

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *