Portos de lamentações

Do jeito que foi contado, o blog repassa: a grande retribuição dos governos tucanos à fidelidade do empresário Luiz Carlos Monteiro foi titular em nome da Usipar toda a área restante exígua ao Porto de Barcarena, para o grupo Cosipar construir seu próprio porto.
A fonte, empresário do setor guseiro, denuncia não ter sobrado espaço para nenhum outro empreendedor ampliar investimentos em logística.