Hiroshi Bogéa On line

Poder de articulação

Alguns políticos demonstram preocupação com a desenvoltura do presidente da Associação Comercial e Industrial de Marabá, Gilberto Leite, junto a representantes do governo do Estado e dirigentes dos movimentos sociais. Movimentação, diga-se, bem articulada, resultando sempre em benefícios para o município.

Em suas andanças, Gilberto defende os interesses não apenas de comerciantes e empresários, como presidente da ACIM. É chamado também para ajudar amenizar crises diversas, entre muitas a do setor guseiro e madeireiro-, e até casos de invasão de propriedades.

O último golaço do líder empresarial foi levar a governadora Ana Julia para conhecer a área destinada à construção da Escola da Produção e Trabalho, obra sobrestada na administração de Simão Jatene. Seis dias após bater fotos do local e receber todas as informações de Gilberto Leite, a governadora retornou a Marabá anunciando o reinicio do empreendimento a partir de janeiro, com recursos definidos da ordem de R$ 3,7 milhões.

Com forte poder de persuasão, o executivo tem raro perfil de transitar pelos diversos segmentos sem representar qualquer tendência política. Pelo menos oficialmente, já que Gilberto Leite não é filiado a nenhum partido.

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *