Hiroshi Bogéa On line

Petrolina é aqui

Gilberto Leite, presidente da Associação Comercial e Industrial de Marabá, em suas preocupações com o desenvolvimento econômico, esboça o sonho de transformar alguns municípios do Sudeste em produtores de manga. Estudioso das demandas regionais, o executivo do Grupo Revemar considera perfeitamente possível inserir a produção de manga na agricultura sustentável com certificado de qualidade. “O desenvolvimento sustentável de uma região agrícola requer a seleção de sistemas de produção que atentem para condições ambientais diversificadas, e conseqüentemente, a escolha de tecnologias adequadas a cada um desses sistemas nesses ambientes. Devem, assim, contemplar características que propiciem a estabilidade ecológica , econômica e social”, diz.

Mercado externo
Com o gradativo incremento na demanda por sustentabilidade da agricultura, fomentado pelos movimentos ambientalistas pela preservação dos recursos naturais, pela demanda de produção de produtos saudáveis e “ambientalmente corretos”, esclarece Gilberto que o mercado internacional da indústria de sucos está cada vez mais ávido por consumir frutas de boa qualidade. Na visão dele, a zona a ser estudada para o projeto de produção integrada de manga poderia ocupar uma área ao redor de 3 mil hectares ( o Vale do São Francisco engloba apenas 1,5 mil ) com pequenos e médios produtores treinados para exportar manga ‘in natura’. “A região como um todo, tem tudo para ter um acelerado crescimento de produção agroindustrial irrigada”, sustenta.
A logística de apoio à exportação, como ocorre em Petrolina, no estado de Pernambuco, seria o aeroporto de Marabá, com investimentos em sua ampliação.
De olho nesse nicho, Gilberto Leite pretende trocar figurinhas com técnicos do governo Ana Julia.

Post de 

4 Comentários

  1. Anonymous

    16 de julho de 2007 - 22:27 - 22:27
    Reply

    Subscrevo as palavras do Joao do Supermercado. O Gilberto deveria era ser candidato a vice-governador. Pelo menos faria mais bonito do que esse vice-governador que temos e que só crava bobagens.
    Gilmar – Marabá

  2. Anonymous

    16 de julho de 2007 - 22:18 - 22:18
    Reply

    Eu conheço a fundo o Gilberto. Ele tem muitas idéias e sabe o que serve e o que não serve para o nosso desenvolvimnto. Fico impressionado como é que as pessoas de bem de Marabá não escolhem ele para ser candidato a prefeito. Tenho absoluta certeza de que todos ganharíamos, não apenas Marabá. Eu resido em Jacundá e sou cliente da Revemar. Sempre que vou ali converso com ele e fico admirado de como ele projeta as coisas e define as ações que devem ser feitas em favor dos municípios. Se fosse um dia prefeito de Marabá, acho que todos os outros municípios vizinhos ganhariam ja que ele tentatria fazer politicas de agregar todos.
    Uma pena ele nao aceitar ser candidato.
    João do Supermercado Xavante
    Jacundá

  3. Anonymous

    16 de julho de 2007 - 20:55 - 20:55
    Reply

    Essa idéia do Gilberto Leite tem tudo a ver. A agricultura desenvolve qualquer regiao. O próprio Vale do São Francisco é o maior exemplo. Se todos os empresários pensassem como o presidente da ACIM, esse Estado seria outro: bem mais desenvolvido.
    Shirlei Joaquina Maia
    Parauapebas
    Sou comerciante

  4. Anonymous

    16 de julho de 2007 - 19:19 - 19:19
    Reply

    O Gilberto é a cabeça mais sadia e consciente do empresariado da regiao.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *