Petrobrás em Marabá

Publicado em 22 de setembro de 2010

Diretores da Petrobrás andaram fazendo tour na cidade.

Visitaram a base de distribuição de combustível da empresa e percorreram as obras da Alpa e locais onde serão construídos os portos da Vale  e do Governo do Estado,  às margens do Tocantins.

Em pauta, estudos para ampliação da capacidade de armazenagem do terminal de distribuição de derivados, atualmente projetada para 25 milhões de litros, mas trabalhando no limite de 22  milhões.

Executivos da Petrobrás consideram promissora a utilização da futura hidrovia do Tocantins, para o transporte de derivados do porto de Barcarena até Marabá – descartando a Ferrovia Carajás, cujo frete é bem mais caro.