Hiroshi Bogéa On line

Petrobrás em Marabá

Diretores da Petrobrás andaram fazendo tour na cidade.

Visitaram a base de distribuição de combustível da empresa e percorreram as obras da Alpa e locais onde serão construídos os portos da Vale  e do Governo do Estado,  às margens do Tocantins.

Em pauta, estudos para ampliação da capacidade de armazenagem do terminal de distribuição de derivados, atualmente projetada para 25 milhões de litros, mas trabalhando no limite de 22  milhões.

Executivos da Petrobrás consideram promissora a utilização da futura hidrovia do Tocantins, para o transporte de derivados do porto de Barcarena até Marabá – descartando a Ferrovia Carajás, cujo frete é bem mais caro.

Post de 

3 Comentários

  1. João Marabá

    31 de agosto de 2011 - 18:50 - 18:50
    Reply

    Tú querias o quê índio velho? Que o cara chegasse e te falasse que tá tudo às mil maravilhas pra vc “enfiar a faca nele” pra vender qualquer coisa que vc trouxesse pra cá, é? Ou tú pensas que aqui só tem “beiço furado” pra vcs fazerem como os burgueses faziam com os otários dos índios na época do Brasil colonia? Se alguém compra caminhonete é porque pode pagar. Não vem tú medir o poder econômico de alguém porque ele está chorando e pedindo menos ou mesmo não querendo comprar teu produto, que por vezes tú mesmo é que não preparação para vendê-lo, o que dá perfeitamente para se constatar só pelo fato de tú estares aqui falando essa asneira.

  2. Quaradouro

    22 de setembro de 2010 - 21:18 - 21:18
    Reply

    Caro:
    Se viessem pesquisar petróleo, acho que acabariam encontrando. E sua vinda seria mais produtiva, né?

  3. Índio Surubá

    22 de setembro de 2010 - 19:59 - 19:59
    Reply

    è a terra dos novos mnilionários miseráveis. Pra vc conseguir vender alguma coisa lá em Maraba pros empresários é uma dificuldade sem fim. Dizem que td está ruim que só falta declararem que estão passando fome, mas só andam de L200 e S-10

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *