Pesquisa: nota de esclarecimento

 

Eu estava ausente de Marabá, no final de semana que passou, retornando somente na manhã de segunda-feira, quando fui alertado por amigo do Facebook de uma pesquisa que estava rolando nas redes sociais, publicada em um blog de Barcarena, mais precisamente assinado por Paulo Elídio.

Como a nossa função é informar, principalmente no rastro de uma pré-campanha eleitoral municipal antecipada há mais de ano, fui até ao sítio indicado e, lá estava a pesquisa, com informação de que integra uma série de outras que seriam realizadas pelo Instituo Acertar.

Esta manhã, contactando com Américo Canto, Diretor de Pesquisas do Instituto Acertar, fiquei surpreso com a informação que ele repassou, através de emeio, dizendo que sua empresa não realizou nenhuma pesquisa na região, pedindo, inclusive, a retirada do post, “pois esse tipo de atitude prejudica nossas relações comerciais com clientes que temos na região”.

Vejam a resposta de Américo:

 

 

“Hiroshi,
Nós da empresa acertar não realizamos nenhuma pesquisa em Marabá. Não conhecemos esse senhor Paulo Elídio, que acredito que esteja usando o nome de nossa empresa para realizar suas atividades que não sei quais são.
Gostaria de solicitar que o senhor deixasse de veicular tal pesquisa em seu sitio e se possível fazer uma nota esclarecendo que a pesquisa for retirada a pedido da empresa acertar. São várias pessoas ligando para nosso instituto. Esse tipo de atitude prejudica nossas relações comerciais com clientes que temos na região. Certos de sua compreensão.

Américo Canto
Diretor de Pesquisas do Instituto Acertar”

 

Portanto, o post com a pesquisa está sendo retirado do ar, neste momento, em nome da verdade e da boa conduta do jornalismo.

Aos diretores do Acertar, nossos pedido de desculpas, considerando que fomos induzidos ao erro pela informação  lincada de outro blog.