Perigo na Pa-150

Publicado em 21 de fevereiro de 2011

Em alguns trechos, a rodovia Pa-150 já oferece perigo.

Nem bem as chuvas começaram a cair com maior intensidade,  crateras estão surgindo com muita rapidez.

Consequências?

Registros diários de acidentes de pequenas e médias proporções, por enquanto.

No último sábado, como exemplo, um caminhão boiadeiro capotou espetacularmente, entre Tailândia e Moju. O motorista de um  veículo pequeno trafegando sentido Marabá, ao fazer  manobra de emergência para escapar de um cratera aberta na rodovia, obrigou o condutor do caminhão a desviar do choque inevitável com o carro desgovernador à sua frente.

O caminhão transportando  dezoito  reses de uma fazenda do Sul do Pará, saiu da estrada, capotando várias vezes (foto acima).

Sorte não houve vítimas, nem humanas, muito menos animais.

As dezoito cabeças de gado foram imediatamente retiradas da gaiola, e ficaram ao relento, durante todo o dia, pastando separadas entre si,  numa reserva de capim lateral à pista (foto)

O acidente ocorreu por volta das 7 horas da manhã.

Às 16 horas, quando o poster passava pelo local, havia imensa fila de veículos  na Pa-150, enquanto alguns motoristas com seus carros estacionados na estrada tentavam virar o caminhão acidentado (foto abaixo) sem que até aquele momento aparecesse alguma viatura da Polícia Rodoviária Estadual para orientar o tráfego.

Setran  precisa executar serviços de tapa buracos emergenciais na Pa-150.