Hiroshi Bogéa On line

Pegando forte

Nesse rumo, forças empresariais ligadas a Ítalo Ipojucan começaram a forçar a barra para desestimular as pré-candidaturas de Nagilson Amoury e Maurino Magalhães – este em campanha aberta para a sucessão de Sebastião Miranda. Na visão daqueles que defendem o nome do vice-prefeito, mais de três candidaturas na eleição de 2008 beneficiarão o desempenho eleitoral do deputado federal Asdrúbal Bentes (PMDB), cujas pesquisas feitas em todos os sentidos apontam seu favoritismo.

Post de 

4 Comentários

  1. hiroshi

    9 de abril de 2007 - 13:30 - 13:30
    Reply

    Pois é Cris, “a gente nao quer só comida, a gente quer comida, diversao e arte..””
    O Ademir sempre soube disso. A poesia dele alerta sempre para esse rumo. Como a sua também que passei a conhecê-la aqui nessas idas e vindas blogueiras.
    Meu beijo

  2. Cris Moreno

    9 de abril de 2007 - 12:03 - 12:03
    Reply

    Pois é Hiroshi, nem só de pão vive o homem. A arte também é um caminho de expressão. A produção local é muito bonita. Assim, o Quaradouro vai passando isso a limpo também. Parabéns!
    Bjs.

  3. hiroshi

    8 de abril de 2007 - 23:30 - 23:30
    Reply

    “Titio”, não me referi ao resultado da eleiçao. Nem poderia assim fazê-lo. Verdade é que toda pesquisa realizada na cidade, o Asdrubal lidera as consultas. Como necessariamente isso não quer dizer que ele venha a ser o vencedor do pleito de 2008 por que cada pesquisa reflete tendência de ocasião, é aguardar para conferir.
    Abs

    Ei! tá legal esse lance do Quaradouro dar visibilidade aos poetas e escritores da terra.

  4. Quaradouro

    8 de abril de 2007 - 05:58 - 5:58
    Reply

    Hirô, flor:
    O Asdrúbal é um perdedor. quantas vezes ele tomou ferro em Parauapebas, junto com o dário Veloso? Aqui, uma. Por enquanto.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *