Hiroshi Bogéa On line

Pega geral

Não se fala em outra coisa nas rodadas políticas. O zumzumzum aumentou ao final da tarde de ontem, sexta-feira: uma capital nordestina pode ser o próximo palco da PF. Os alvos são personagens da política daquele estado. Desta vez, talvez falte realmente cadeia para se colocar outra leva de bandidos da elite política local. O blog não revela o nome do principal suspeito para não criar embaraços à operação. Mas o cara faz parte do governo Lula. Caso não se concretizem as buscas e apreensões programadas, o nome do peixão graúdo será trazido à baila – logicamente na condição de suspeito. Número de prisões? Em torno de 73 pessoas.

Post de 

4 Comentários

  1. Quaradouro

    20 de maio de 2007 - 05:41 - 5:41
    Reply

    O Pará vai ficar de fora!? Como é que se passa este pais no crivo e se deixa o Pará de fora?

  2. hiroshi

    19 de maio de 2007 - 22:26 - 22:26
    Reply

    Anônimo 3:49 PM:
    Não aposto em nenhuma opção. O ACM tem uma especialidade que os demais políticos não aprenderam com ele e nem com o Sarney: a blindagem jurídica cuja maior eficiencia é esconder seus rastros. São PHD nisso.

  3. Anonymous

    19 de maio de 2007 - 18:51 - 18:51
    Reply

    Macapá é outra rota levantada pela PF. Quem tiver rabo de palha que se cuide….

  4. Anonymous

    19 de maio de 2007 - 18:49 - 18:49
    Reply

    Ciro ou ACM? em quem você aposta? a segunda opção me parece a mais provável. Tomara que o velho coronel caia na rede da PF.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *