Parmalat

Publicado em 17 de maio de 2007

O investimento que a Parmalat anunciou pretende aplicar em Paruapebas na montagem de uma estrutura industrial pode provocar o fechamento, no futuro, de pequenos laticínios existentes no corredor de Carajás. Quem alerta é Antonio Sabino Filho, advogado de uma micro empresa produtora de queijo , ao analisar os critérios de atuação no mercado da multinacional italiana. “Eles vão praticar concorrência desleal na compra do leite, deixando os pequenos na rua da amargura”. De Canaã a Eldorado são mais de 30 pequenos laticínios produzindo queijo que é exportado para o Nordeste.