Hiroshi Bogéa On line

Parauapebas na rota de Dilma

Assessores de Dilma Roussef se esforçam para incluir uma esticada a Parauaebas da ministra Chefe da Casa Civil. Ela tem essa dívida com o prefeito Darci Lermen (PT) desde março passado, quando recebeu o primeiro convite para inaugirar o prédio da prefeitura local.

Por duas vezes, a ministra prometeu que ia mas os fato atropelaram as intençoes.

Agora, confirmada a presença dela em Marabá, durante mês de agosto, para sacramentar com a Vale data de início das obras da siderúrgica Aço Laminados do Pará (Alpa), o gabinete da Casa Civil analisa cuidadosamente sua agenda administrativa com as obrigaçoes do tratamento contra o câncer para abrir um pequeno espaço na programação do Pará capaz de colocar a ministra em Parauaebas.

Para quem não sabe, Dilma tem carinho especial por Darci Lermen. E muita confiança.

Pelo que o blog apurou na tarde de sexta-feira, a Casa Civil da Presidência da República aguarda apenas confirmação da conclusão plena das obras do prédio da Prefeitura de Parauapebas, para bater o martelo.

Post de 

5 Comentários

  1. Bartô

    2 de outubro de 2009 - 11:32 - 11:32
    Reply

    Não se enganem. Jornalismo é jornalismo, assessoria de imprensa é assessoria, apenas.

    E no caso, caro Hiroshi, não é futrica dizer que a gestão Darci Lermen desagrada a opinião pública em Parauapebas.

    Isso é a opinião dos que aqui habitam, você sabe a importância do que significa tudo isso?

    Aliás, a democracia é dialética não é estática, meu caro Hiroshi.

  2. Anonymous

    15 de julho de 2009 - 17:52 - 17:52
    Reply

    O governo de Parauapebas está ruim, mais é desse jeito que o PT sabe administrar. É o jeito do PT de gerir os recursos públicos.

  3. petrelli

    14 de julho de 2009 - 12:57 - 12:57
    Reply

    Caro Hiroshi, tenho más noticias pra te dar.
    Acontece que a inaiguração da prefeitura deve ser simbolica, pois a mesma teve em sua execução danos estruturais ou seja antes de inaugurar já vão ter que arrumar igualmente aconteceu com oforum de marabá.
    O problema foi detectado e está sobre sigilo de poucos.

    O tipo de laje concretada é igualmente a de ponte: laje protendida para vencer grandes vãos.

    O problema em suma é na estrutura da dita e o local escolhido parece-me que teve problemas tambem de compactação do terreno.

    Vale conferir. E avisa as tuas fontes quanto a visita da Dilma.

    Lembra que teve uma ponte que caiu na entrada do peba em virtude de problemas de estrutura.

    Obs.: Não tenho problemas com, o prefeito do Peba, pois sou de marabá.

  4. Hiroshi Bogéa

    13 de julho de 2009 - 19:19 - 19:19
    Reply

    8:31 AM, o blog não tem nada a ver com as futricas de vocês com o prefeito da cidade. O desnivelamento do comentário, assim está escancarado, faz parte da relaçào rasteira de quem não gosta dele e quer esticar a encrenca pro lado de cá. Quem diz que a Dilma tem carinho especial e confiança no Darci é a assessoria da ministra, com quem o poster conversou para saber detalhes da vinda dela a Marabá. Agora, esse papo aí do prefeito ser ou não competente, o povo de Parauaebas já julgou, reelegendo-o com votaçào histórica. O grande problema é a fofocada do lugar não saber ler resultado eleitoral. Aí, fica nesse nível do comentário.

  5. Anonymous

    13 de julho de 2009 - 11:31 - 11:31
    Reply

    Hiroshi, pega leve!!"Carinho especial" pelo Darci Lermen para uma mulher informada como a nossa ministra é um pouco demais..Afinal,a administração Lermen não é propriamente um exemplo de competência, transparência,o nem em bELÉM, AINDA MAIS PELA dilma..calma HIROSHI!

Leave a Reply to petrelli

Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *