Parauapebas: mais de 150 inscrições para a SOMP

Publicado em 25 de julho de 2011

 

 

Mal foram iniciadas as inscrições para as oficinas da SOMP, as turmas estão quase lotadas. Já são mais de 150 inscritos para as sete oficinas oferecidas pela Secretaria Municipal de Cultura.

O público de artistas e aprendizes da música abraçou a excelente oportunidade de conhecimento que será proporcionado entre os dias 8 e 12 de agosto.

São oficinas de guitarra, baixo, sopro, teclado, bateria, técnica de canto e técnica de conjunto oferecidas por uma verdadeira seleção de músicos consagrados e de renome internacional.

A coordenação fica a cargo do baixista paraense Ney Conceição. “Já estive em Parauapebas por duas ocasiões e percebi o quanto esta cidade é pulsante em termos de produção cultural. Sei que o Somp vai ser um tremendo sucesso”, aposta o músico que já acompanhou gente como João Bosco e hoje faz parte da banda de Elba Ramalho.

Para atender um público acima do esperado, a Secult modificou o horário das oficinas, facilitando a participação de muitas pessoas que procuraram a secretaria durante a última semana. Agora, quatro oficinas (guitarra, baixo, teclado, sopro) começam às 16 horas, e a de bateria terá início às 18 horas, e para que os alunos possam ter a opção de participar de uma segunda oficina, a organização do evento disponibilizou os horários das seis e meia da tarde e oito da noite para os encontros de técnica vocal e prática de conjunto, respectivamente.

Todas as noites, durante a semana de oficinas, haverá apresentações especiais (Jam Session) com a participação dos instrutores e dos alunos. As apresentações ocorrerão no Novo CDC, que será inaugurado durante a Somp.

As inscrições são para músicos residentes no Estado, e a produção vai disponibilizar alojamento para quem não mora em Parauapebas.

Maiores informações pelos telefones da Secult Parauapebas: (94) 3346-1358 e 3346 2007.