Hiroshi Bogéa On line

Os intocáveis

As atitudes recentes do Ministério Público de Marabá de moralização dos órgãos públicos – incluídos aí Policia Militar e Prefeitura Municipal -, são alvo de elogios de todos os segmentos da sociedade. De repente, um turbilhão de esperança se esprai porque a briga é contra poderosos.
Os promotores José Luiz Brito Furtado, José Edvaldo Pereira Sales, Júlio César Sousa Costa, Josélia Leontina de Barros Lopes, e Viviane Lobato Sobral são responsáveis pela Ação Civil Pública por atos de improbidade administrativa com pedidos de liminar contra os coronéis da Polícia Militar (PM), Odenir Margalho de Souza e Henrique Coelho Sousa Araújo, ex-comandante do 2º Comando de Policiamento Regional (CPR-II) e hoje chefe da Casa Militar.
O prefeito Sebastião Miranda (PTB) passou também a ser alvo de investigações, com o pedido ao TCM da prestação de contas de três obras municipais que consumiram pesados recusrsos.

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *