Hiroshi Bogéa On line

Olhos vendados

Durante o ano de 2008, a Justiça do Sul do Pará deu exemplos de como não deve funcionar em lugar nenhum. Aí vão alguns:

* Intolerante clima de relacionamento entre promotores e  juiz de Direito.

* Júris cancelados, com simultâneas libertações de réus em plena cadeira de acusação.

* Juiz e promotor de Rio Maria se consideraram suspeitos para conceder mandados  de prisões de pessoas comprovadamente envolvidas no assassinato do ex-prefeito do município Agemiro Gomes (PMDB). A demora do MP e judiciário, inclusive, em definir-se pela concessão ou não dos mandados, quase precipitava a fuga dos criminosos. Foi preciso a presidência do TJE determinar ao juiz da comarca de Redenção a cessão dos mandados.

* O juiz  César Dias de França  Lins, da 4ª Vara de Marabá, por supostas antipatia pessoal com a governadora Ana Julia, é apontado pelo próprio secretário de Segurança, Geraldo  Araújo, de não estar mais autorizando a polícia a realizar ações de inteligência, fato que tem prejudicado a localização de rastros dos meliantes

* Dia 16 de outubro último, o delegado Reinaldo Marques, da Seccional da Nova Marabá, protocolou requerimento no fórum de Itupiranga solicitando à juíza  daquele município pedido de prisão preventiva de alguns elementos suspeitos de participarem do assalto ao banco de Nova Ipixuna – cuja comarca é respondida pelo mesma juíza de Itupiranga. Até o momento, a Justiça não concedeu os instrumentos legais de autuação dos suspeitos.

            Resultado: entre diversos nomes inclusos nos pedidos de prisões, e negados até hoje, está grande parte da quadrilha que assaltou e matou o subgerente do Banco do Brasil de Itupiranga, semana passada. 

Post de 

3 Comentários

  1. gilmar ribeiro

    21 de dezembro de 2008 - 11:10 - 11:10
    Reply

    amisgos,
    sejamos inteligentes. isto é um jogo politico.
    quem solta bandido não é juiz e sim um inquerito policial mal elaborado em seus autos e bons advogados.
    o magistrado se atem somente ao que está no processo. ele não pode inventar. isto é loucura.estao desvirtuando as coisas. cade os helicopteros que sobrevoavam marabá na época da eleição?
    há tempos existe violencia no pará todo. Caso dorothy, assaltos a onibus e vans nas PA´s e BR´s deste estado.
    Eu lembro que a governadora é conhecida por não dar reintegração de posse as invasões. No seu governo a ordem é invadir as fazendas com garantias de preservação dos invasores.
    saiu em materia nacional sobre ela não conceder reintegração de posse aos imoveis. Dá uma passada nos foruns do estado para ver.
    é muito fácil tirar oseu da reta. é só achar uma valvula…
    abraços,
    gilmar ribeiro

  2. Anonymous

    16 de dezembro de 2008 - 20:51 - 20:51
    Reply

    Hiroshy,
    Depois, fica-se perguntando, o motivo que leva a população a destruir os Foruns. A Policia Prende ea Justiça solto, bandidos com extenso curriculo criminal.

  3. Anonymous

    16 de dezembro de 2008 - 20:03 - 20:03
    Reply

    o resultado disso tudo a sociedade conhece bem… Assaltos, latrocínios, homicídios, “saidinhas”,etc… Até onde vai a nossa paciência?

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *