Ocupando área de risco na cabeceira da pista do aeroporto de Marabá, dezenas de família são retiradas do local

Cerca de 60 famílias estão sendo retiradas  do chamado ´cone de proteção´da pista do aeroporto de Marabá.

O local não é propício à moradia por invadir espaço exclusivamente delimitado como área de segurança.

A ação de retirada  começou em cumprimento a uma decisão judicial.

A prefeitura de Marabá, através da Superintendência de Desenvolvimento Urbano (SDU), está realocando mais de 60 famílias ocupantes da área, com o apoio da Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal, Polícia Militar, e agentes do SDU.