Óculos escuros

Ao ler no blog do Jeso chamada de encenação de peça teatral na praça do Mirante do Tapajós, em Santarém, bate na mesma hora na alma a desanimadora sensação de isolamento cultural vivida pela população de Marabá. Pode-se dizer que nos últimos anos se o povo do município ouviu falar em peça teatral foi por obra e graça de heróico grupo mambembe existente em algum bairro que não desiste nunca de ser brasileiro.
Prefeito Sebastião Miranda (PTB) conseguiu matar todas as iniciativas do gênero. O homem odeia cultura porque só respira asfalto e a grandiosidade dos recursos jogados na orla do Tocantins.
Vai para a história como o prefeito que matou uma geração de jovens criadores. Pagará caro por isso, podem conferir lá na frente.