Obstetras do HMI dão prazo com ameaça de demissão coletiva

Publicado em 13 de março de 2013

 

 

Doze médicos obstetras lotados no Hospital Materno Infantil (HMI)  fizeram chegar ao secretário de Saúde de Marabá, Nagib Mutran, documento contendo lista de reivindicações.

Com prazo de até 60 dias, os médicos ameaçam assinar demissão coletiva caso não sejam atendidos.