Hiroshi Bogéa On line

O texto do dia

Dilma rompeu o limite da complacência.
PiG e elite não têm volta: é o confronto

Amigo navegante telefona preocupado: o PiG (Partido da Imprensa Golpista) vai ao Tribunal Superior Eleitoral e impedir a vitória da Dilma no tapetão.

Há certo perigo aí.
A Procurador Eleitoral é a Dra. Cureau, sempre imparcial, que quer calar o Mino Carta.

Marco Aurélio de Mello, que, em 2006, como presidente do TSE, ameaçou não dar posse ao Lula, é titular do TSE.

Gilmar Dantas (**) é suplente no TSE, ele que tentou, com as tropas do Estadão, dar o Golpe de Estado da Direita.

O jenio tem mais chance no TSE do que no voto.

E a UDN só ganha eleição no tapetão – no Golpe.

Acontece que a Dilma perdeu a paciência.

Dilma não é Lula.

Na resposta à Folha – clique aqui para ver esse vídeo histórico – ela se pôs ao lado de Leonel Brizola, autor de outro vídeo histórico – clique aqui para ver o editorial que Brizola obrigou o Roberto Marinho a ler.

Os filhos do Roberto Marinho sabem disso – o temperamento da Dilma está mais para Brizola do que para Lula.

A Dilma não vai esperar o Golpe sentada em cima das mãos.

Dilma tem um aliado importante.

Já imaginou o Lula na rua, a pregar uma greve geral para garantir a posse da Dilma ?

Lula não é Jango.

Isso parece uma insensatez ?

Insensatez é o que o PiG  faz hoje no Brasil.

A eleição não é mais entre a Dilma e o Serra, que foi atropelado pela própria insignificância.

A eleição é entre a Dilma e o PiG.

A Judith Brito disse que a Associação Nacional dos Jornais, que preside em nome do Otavinho, é a oposição.

Ela provavelmente não sabia que tinha entrado para a História do Golpe, que tinha escrito uma página do Livro de Ouro da extrema direita brasileira.

O PiG  não tem mais volta.

Ele destruiu todas as pontes que o ligavam à Democracia e ao Estado de Direito.

O PiG  é o PiG da Argentina e da Venezuela.

Vai fazer o que ?

Demitir a Eliane Catanhêde para se aproximar da Dilma ?

A urubóloga, o Merval, o Waack, o Ali Kamel, o do Golpe de 2006 ?

Não tem como.

O ultimo recurso será entrar com um pedido de anulação da eleição no TSE, redigido por um jurista de prateleira, como, por exemplo, Yves Gandra Martins.

O que o PiG quer ?

Uma Guerra da Secessão ?

Uma “Revolução” de 32, para se separar de Vargas ?

O PiG está miseravelmente isolado.

Deve representar uns 5% da população brasileira – seus leitores.

Na tem uma passeata do Cansei na rua.

Não tem uma Marcha com Deus pela Família e a Propriedade.

Não tem um Carlos Lacerda.

A FIESP não está no Golpe.

A FEBRABAN não está no Golpe.

A Associação Comercial … associação comercial, qual ?

Acabou a União Soviética e não assusta mais as mal-amadas.

A Igreja Católica afundou-se com seus próprios pedófilos e não tem autoridade moral para derrubar nem prefeito.

Os americanos estão atolados no Afeganistão e nas dividas.

Não vão mandar a Frota que derrubou o Jango.

E o Obama acha o Lula “o cara”.

Não tem Manifesto dos Coronéis.

Não tem mais seu redator, o grande democrata Golbery e seu fantoche, o George Washington do Elio Gaspari, o general Geisel.

Não tem o IPÊS (o Millenium do Jabor, convenhamos…)

Tem alguém na tribuna da Câmara a pedir o Golpe, como o Padre Godinho, da UDN de São Paulo ?

Cadê o jovem deputado da UDN da Bahia, Antonio Carlos Magalhães, a dizer que o Lula é ladrão ?

Eles morrem de medo do Lula

Quem o PiG  representa ?

Quer dar o Golpe em nome de que ?

Em defesa de quem ?

De seus próprios interesses ?

A quem interessa defender o interesse do Otavinho, a não ser o próprio Otavinho ?

Quantas lágrimas serão derramadas no dia em que a Folha fechar ?

Provavelmente só as do Clóvis Rossi.

O PiG não tem mais como conversar com a presidenta Dilma, depois desse desabafo, hoje, no Rio.

Não adiante produzir manchete na Folha para o jenio e o Gonzalez reproduzirem no programa eleitoral.

Não dá em nada.

A pesquisa tracking da Vox Populi desmoralizou o Datafalha e o Globope.

A Sensus idem.

Os institutos mineiros acabaram com o blefe, a chantagem.

O Tribunal Superior Eleitoral vai dar o Golpe em nome de que ?

Da quebra dos 30 milhões de sigilos da filha do Serra ?

Do filho da Erenice ?

Do tucano que sumiu com a Caixa (2?) do Serra ? – Clique aqui para ver no Blog Amigos do Presidente Lula.

Como diz o Vasco: acharam um monte de Vavás e o Daniel Dantas está solto.

Esse é o problema grave: o PiG perdeu a importância.

Ele só serve para dar Golpe.

Para desestabilizar o país.

Com o Lula, o PiG podia achar que levava o Brasil à beira do precipício e, na hora “h”, o Lula conciliava.

A bonomia do Lula não deixava o caldo virar.

A Dilma não é o Lula.

O Otavinho que se cuide.

Os filhos do Roberto Marinho que se cuidem.

Eles vão fechar o negócio do pai.

Paulo Henrique Amorim – Conversa Afiada
Post de 

2 Comentários

  1. Anonymous

    22 de setembro de 2010 - 15:20 - 15:20
    Reply

    Dilma está certa, o negócio é negar tudo. Ela não responde por bosta nenhuma mesmo. Na verdade não responde nem por si, já que é uma obra construída, sem história, sem currículo, somente com um passado nada glorioso. Porque sendo favorita nas pesquisas pela maioria de alienados que vicejam nos quatro cantos desse Brasil iria por sua inútil mão no fogo por alguém?

  2. Anonymous

    21 de setembro de 2010 - 18:43 - 18:43
    Reply

    Hisroshi, não é só no cenário nacional que essa imprensa arcaida tá querendo dar o golpe não. Aqui em Minas de dez pessoas que você questiona, uma vota no Anastasia e Aécio, não tem um funcionário público sequer que vota nele e no Aécio "menino do rio" Neves, e olha que são mais de 500 mil. As pesquisas daqui tão maquiadas além da conta sô!

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *