Hiroshi Bogéa On line

O pior está chegando no Sul do Pará: confirmado um caso de murcomicose associado à Covid-19

Agora é oficial:  já há o primeiro caso registrado  de  murcomicose associada à covid-19 no Pará.

Precisamente no Sul do Pará.

Hoje, dia 10, a  Secretaria de Saúde do Pará (Sespa) confirmou a enfermidade.

O quadro foi diagnosticado em um paciente idoso, com a idade não revelada, que vive no município de Santana do Araguaia, no sudeste do estado.

Segundo a secretaria, este é o quarto caso de murcomicose relacionada à Covid-19 registrado no Brasil. Outros 15 casos da infecção foram detectados, mas em pacientes que não estavam com a doença.

De acordo com a Sespa, o paciente deu entrada no Hospital Regional de Conceição do Araguaia, município vizinho à Santa do Araguaia, com sintomas da Covid-19.

Na unidade ele foi diagnosticado com o novo coronavírus e foi internado. Após alguns dias ele teve melhora clínica e recebeu alta.

Dias depois da liberação, a Sespa informou que o paciente apresentou piora no quadro e, devido a um mal estar, procurou atendimento nos municípios de Araguaína e Palmas, ambos no Tocantins.

Ele foi novamente internado e recebeu o diagnóstico de murcomicose.

Logo em seguida, o idoso foi transferido para tratamento em São Paulo.

A Sespa não deu mais detalhes sobre o estado de saúde do paciente. Também não foi informado se o paciente tem histórico de comorbidades.

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *