Hiroshi Bogéa On line

No Dia Mundial de Limpeza das Praias, neste sábado, Marabá fica fora da programação.

A Praia do Tucunaré, de Marabá, não foi incluída na programação do  World Clean Up Day, celebrado no dia 21 de setembro, objetivando espalhar mutirões de limpeza em 15 estados brasileiros.

Mais de vinte projetos socioambientais apoiados pela Petrobras serão executados.

No Pará, os projetos Meros do Brasil e Floresta de Valor se juntarão ao esforço de limpeza promovendo ações no Portal da Amazonia (Icoaraci/Belém), Praia de Ajuruteua (Bragança), Bernardo Sayão (Belém), Lago no Parque estadual do Utinga (Belém) e Praia do Cajueiro (Alter do Chão)., em Santarém

Ao todo, cerca de 60 praias serão contempladas, ao longo de aproximadamente 140 km de litoral, além de uma área de mangue e uma praia fluvial.

O Clean Up é um evento que acontece, simultaneamente, em 157 países, onde milhões de voluntários se reúnem para limpar suas cidades, incluindo praças, praias e parques.

Com base em ações semelhantes realizadas este ano, 23 projetos patrocinados pela Petrobras  esperam recolher, nesta edição, cerca de 12 toneladas de resíduos sólidos urbanos, que foram descartados de forma incorreta.

Paralelamente ao mutirão de limpeza, serão promovidas atividades lúdicas e educativas para o público infantil, como forma de envolver as crianças nas causas ambientais.

Os pequenos não participarão, no entanto, diretamente da coleta de resíduos.

O objetivo do Clean Up é conscientizar as pessoas sobre o descarte irregular de resíduos sólidos urbanos. Segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), estima-se que mais de oito milhões de toneladas de plástico vão parar nos oceanos todos os anos, causando danos à vida marinha e a atividades econômicas, como a pesca e o turismo.

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *