Hiroshi Bogéa On line

No campo e na cidade

Ademar Palocci, diretor de Planejamento da Eletronorte, concedeu longa entrevista a este poster, no final da tarde de ontem, 15, antes de participar de audiência pública com agricultores de projetos de assentamento do Sudeste do Pará, para tratar do Luz para Todos. Na estatal, dois empreendimentos são prioridades do governo Lula: ampliar o programa de distribuição de energia rural e a hidrelétrica de Marabá.

O Luz para Todos, até dezembro de 2010, estenderá mais 18 mil ligações na zona rural do Sudeste do Pará. Investimentos de R$ 230 milhões.

Até o final deste ano, a Eletronorte encaminha ao IBAMA o pedido do EIA-RIMA da Hidrelétrica de Marabá. O cronograma prevê o inicio das obras da nova usina até inicio de 2011. 

Segundo Palocci, o pais necessita da energia a ser gerada na barragem de Marabá até inicio de 2016.

Não está fechado ainda o total de investimentos para a construção da hidrelétrica, mas pode chegar a R$ 7 bilhões. 

Post de 

2 Comentários

  1. Anonymous

    17 de maio de 2009 - 10:59 - 10:59
    Reply

    Anonimo das 3:42 AM

    Energia limpa. A melhor geração de energia que existe que faz com que voce tenha acesso a internet e ao seu cheveiro eletrico é esta.

    Energia limpa ou o anonimo das 3:42 AM quer uma usina nuclear??

    Sou a favor alem da geração de empregos e renda que não ficarão só na implantação.

  2. Anonymous

    16 de maio de 2009 - 06:42 - 6:42
    Reply

    De já precisamos unir-nos. Fiquemos atentos para impedirmos à moda do MST este projeto que, concluido, mudará radicalmente nossas vidas. Jamais aceitaremos!!!

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *