Hiroshi Bogéa On line

Na vida real

Em Marabá, o assunto está em toda parte: formação do secretariado e as duas derrotas do prefeito Maurino.

A entrega dos mais importantes cargos da estrutura administrativa de arrecadação e controle de convênios (Fazenda e Planejamento) a dois secretários recambiados de Palmas, no Tocantins, é um prato feito. Com direito a sobremesa.

A chiadeira grassa, principalmente entre os “ formiguinhas” de campanha.

Os revezes de Maurino Magalhães, antes de assumir a prefeitura, alongam conversas nos locais mais influentes da cidade: a derrota da candidata preferida do prefeito para a secretaria de Educação e o torniquete aplicado pelo G-7 (grupo de vereadores) nas pretensões do chefe do Executivo eleger seu candidato de confiança à presidência da Câmara Municipal.

Ao apresentar uma lista tríplice para os educadores de Marabá escolherem o secretário de Educação pelo voto direto, Maurino colocou sua esposa e a vereadora evangélica Irismar Sampaio (PR), de sua estrita confiança, cabalando votos a favor da educadora Eude-Léia Ramos, que ficou em último lugar, com apenas 230 votos.

O vencedor foi Ney Calandrini (477 votos) ligado a deputada Bernadete Caten (PT) e em segundo ficou o camaleônico Melquíades Justiniano (438 votos), especialista em sobreviver, nos últimos 20 anos, às diversas mudanças de governos de matizes discrepantes.

Post de 

16 Comentários

  1. Anonymous

    8 de janeiro de 2009 - 01:03 - 1:03
    Reply

    É intrigante o atual prefeito ter deixado Secretários do antigo prefeito, em detrimento de pessoas de sua confiança, e tão capazes quanto e, por outro lado, trazer pessoas de fora para secretarias. Tem muita coisa por trás disso.Vamos esperar que a sujeira aparece.
    O povo de Marabá nem de longe é xenofóbico, muito pelo contrário, já que é formado por marabaenses de coração, mas paraquedistas/oportunistas é difícil de aceitar.

  2. Anonymous

    7 de janeiro de 2009 - 20:37 - 20:37
    Reply

    Já estou de prontidão para engrossar o protesto.
    La Luta companheiros!!!

  3. Anonymous

    7 de janeiro de 2009 - 15:08 - 15:08
    Reply

    ACHO QUE ESTÁ NOA HORA DE ENSAIAR UM “PROTESTO PACIFICO” NO SENTIDO DE EXPULSAR ESSES FORASTEIROS QUE ESTÃO ALOJADOS NAS SECRETARIAS DE MARABÁ.

  4. jesus castanheira

    6 de janeiro de 2009 - 22:49 - 22:49
    Reply

    Eppa!!! Me tirem dessa!!
    rsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrsr!!!

  5. Anonymous

    6 de janeiro de 2009 - 17:11 - 17:11
    Reply

    okay, deixemos o Jesus de lado e coloquemos o Castanheira – conhecem?

  6. Anonymous

    6 de janeiro de 2009 - 12:34 - 12:34
    Reply

    Gente, as críticas são válidas. Mas, vamos deixar o nome de Jesus fora disso, ainda que o tenham colocado de forma equivocada. Acho que pela lição de vida que Ele nos deixou e pelo seu poder supremo , merece de nós apenas honra.

  7. Anonymous

    6 de janeiro de 2009 - 01:52 - 1:52
    Reply

    A nomeação do povo de Palmas é pagamento dos honorários da assessoria jurídica, mas e a manutenção do povo do Tião nas Secretarias é pagamento de que? A política tem razões que a própria razão desconhece.

  8. Hiroshi Bogéa

    5 de janeiro de 2009 - 19:25 - 19:25
    Reply

    Anonimo 4:04 PM, não seja injusto com o Wandenkolk. Recentemente, na disputada divisão de recursos das emendas de bancada ( e isso ele já vinha lutando, desde 2007), o deputado conseguiu incluir Marabá no rol dos municípios aquinhoados com recursos das chamadas emendas estruturantes. Resultado dessa luta dele, a bancada paraense destinou a Marabá mais de R$ 70 milhões para construção de estádio, porto e outras obras de infra.

  9. Anonymous

    5 de janeiro de 2009 - 19:04 - 19:04
    Reply

    Hirohi, o teu Blog está sensacional, o q tem de nêgo q quer mamar nas tetas da prefeitura é brincadeira, quem viu o discurso do deputado federal de Itupiranga Wandekolk, ficou impressionado quando ele disse parafraseando o mártir da nossa história Tiradentes: q se 10 vidas ele tivesse, 10 vidas ele daria para apoiar o Maurino, engraçado hà (2) anos ele n aparecia em Marabá e agora vem dando uma de salvador da pátria, o q ele trouxe para Marabá nesse período? essa cantilena n cola +. Concordo com o anônimo das 3:18.

  10. Anonymous

    5 de janeiro de 2009 - 18:23 - 18:23
    Reply

    O pastor Vlad já tinha ido fazer até um curso sobre finanças pensando nos $$$$$$, e agora José?

  11. Anonymous

    5 de janeiro de 2009 - 18:18 - 18:18
    Reply

    Hiroshi, realmente é decepcionante, o Maurino entrou errando, se bem que tem gente que trabalhou na campanha dele que não merece confiança, mas daí a ir buscar gente fora é nos menospresar, como marabaense que somos e o elegemos.
    Outra coisa, deixou a “tchurma” do Tião, como Pedro das finanças, Lucidio que já foi preso no Rio de Janeiro com dollar falso, Scherer no meio ambiente, Nilton na Administração, etc.
    Acho que em um futuro bem próximo o Maurino vai pagar caro por esses erros.

  12. gilmar ribeiro

    5 de janeiro de 2009 - 18:00 - 18:00
    Reply

    É brincadeira hein Hiroshi!!!
    Realmente todas as previsoes se confirmaram: Maurino é inapetente!!
    Ele não sabe nada. Imagine trazer um cara de Palmas para ser secretario de planejamento e indispor com o sr. Sebastião Almeida que há anos conhece a realidade demarabá, faz osorçamentos anuais,plano diretor,DMTU, prestação de contas…eu que trabalhei com este senhor acho uma falta de elegancia não convidá-lo para ser secretario de planejamento. Uma grande perda para marabá já que ele aceitou o convite do prefeito Anuar de Canaa,que desde o primeiro pleito vinha tentando levá-lo e agora conseguiu.
    Agora imagine estes ali-babás de outra cidade com seus assessores da mesma cidade. Coitado do maurino!!! Mal chegou e nem sabe se vai ficar. Como vc disse começaram as articulações para quem sabe, quem sabe…Dr Nagilson.

  13. Anonymous

    5 de janeiro de 2009 - 15:01 - 15:01
    Reply

    Muita gente botou dinheiro na campanha do Maurino mas dois grupos um de Palmas e outro de Parauapebas, foram os mais pesados. O primeiro pegou posições chaves no governo para receber o dinheiro de volta: planejamento e arrecadação.O segundo está a ver navios, chiando barbaridade e prometendo aprontar. Ou o Maurino paga a fatura ou vai ter dor de cabeça. Anotem.
    Pastor Vlad, Raimundo Nonato, Jhony, Lucia Mendes, Regis,Paulo França, Rosicleide, Disney, etc, formam o outro time de insatisfeitos. Linha de frente da campanha agora viraram bucha de canhão. Maurino está protelando para dar espaço para essa tchurma do barulho.

  14. www.ribamarribeirojunior.blogspot.com

    5 de janeiro de 2009 - 14:50 - 14:50
    Reply

    Uma das pastas mais importantes da estrutura administrativa de governo, foi entregue pelo novo prefeito Maurino Magalhães a um certo Glênio, o jornal Correio do Tocantins de hoje diz aque o rapaz tem um vasto curriculo profissional. Até ai tudo bem, mas quem foi o grande articulador para nomeação de Glênio?

    Muitas perguntas pós eleição ainda não foram respondidas pelo novo gestor. A nomeação de Omar Henneman numa importante secretaria que cuida da arrecadação e da captação de recursos, também é motivo de certas desconfianças deste novo governo.

    Cabe aos vereadores questionar a origem das nomeações!

  15. Anonymous

    5 de janeiro de 2009 - 14:20 - 14:20
    Reply

    Hiroshi, não se preocupe, o prefeito já convocou Jesus Cristo para ajudá-lo – afinal ele, também, é um enviado de Deus -, tudo será resolvido de forma conveniente, agradável e traqnuila, na mais perfeita paz.
    Estou tranquilo com o destino de Marabá, nem me apoquento mais. Dinheiro? Emprego? Segurança? Saúde? Educação? Nosso Prefeito tem a receita.
    Que Ano Novo melhor que esse?
    Abraços.
    Apóstolo João

  16. Anonymous

    5 de janeiro de 2009 - 14:14 - 14:14
    Reply

    É o começo do fim… ah é o fim…

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *