Hiroshi Bogéa On line

Na boca da mata

No Quinta Emenda, do Juvêncio de Arruda:

O presidente do TSE que me desculpe, mas abrir questionamentos de ordem legal contra o aumento do Bolsa Família – 8% – é um acinte. Até parece que os preços ou a necessidade esperam as eleições.Todos os assalariados receberam reajustes neste primeiro semestre, mas os programas sociais não podem receber aumento sem algum tipo de algazarra safadinha da oposição. E se o aumento é superior a inflação – 6% – melhor ainda. Aumenta o poder de compra dos beneficiários do programa, os muito pobres.Depois se mordem com os índices de popularidade do presidente, quando deveriam fazê-lo com as próprias orelhas, enormes e ponteagudas.

As elites – oh, enfadonha expressão -, como sempre, fazendo esforço danado para deixarem os excluídos cada vez mais excluídos.

É por essas e outras que Lula fará seu sucessor. Quem ninguém duvide disso.

Post de 

3 Comentários

  1. Anonymous

    27 de junho de 2008 - 17:23 - 17:23
    Reply

    Fora as elites, fora o FMI, fora os USA!!!!!!
    Viva Zapata, Viva Zumbi, Viva Obama, Viva Luiz Inácio Lula da Silva!!!!!!!!!

    huahuahauhuahuahauhauhauhauhauhauhauhauhauahuahuahuahuahuahauua

  2. Anonymous

    27 de junho de 2008 - 14:16 - 14:16
    Reply

    Concordo plenamente, Lula fará seu sucessor, pra desespero total das “Elites”.

  3. Anonymous

    27 de junho de 2008 - 13:19 - 13:19
    Reply

    O orçamento da União foi aprovado em Março de 2008, constando, inclusive a previsão de aumento do Bolsa Família, porque somente agora, na ante-sala das eleições municipais resolvem aprovar a reposição.

    Os trabalhadores, de fato, receberam as reposições salariais, mas, de acordo com a Lei, até abril.

    Nada contra a reposição. Mais do que justa, necessária.

    Mas fazer uso político dela…

    Acredito correta a iniciativa do TSE

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *