MST e governo chegam a acordo

Publicado em 21 de agosto de 2014

 

A garantia de descentralização de recursos para efetivar, na prática,  as demandas acordados entre os  movimentos sociais e o governo federal,  uma das principais exigências feita pelo MST, e atendida pelo INCRA, na reunião final realizada em Marabá, pôs  fim às manifestações dos sem-terra na rodovia BR-155, próximo a curva do S.

Na avaliação dos coordenadores do MST, garantir recursos e adotar  procedimentos jurídicos  capazes de  viabilizar todas as etapas dos processos de aquisições e desapropriações das fazendas Santa Maria e Pioneira, objetos da pauta, possibilitaram o acordo.