MP e Polícia cercam secretarias municipais de Marabá em operação de busca e apreensão

Publicado em 19 de abril de 2012

 

 

Desde às 12h30, promotores públicos e agentes da Polícia Civil interditaram os prédios das secretarias de Obras e Finanças da Prefeitura de Marabá. Objetivo da operação: apreensão de documentos e computadores para fiscalização de uma série de supostas irregularidades apontadas em denúncias formuladas ao Ministério Público.

Segundo informações checadas agora pelo blog – cujo poster não se encontra em Marabá -, a operação dos promotores segue rastro de denúncias feitas há mais de mês envolvendo um suposto esquema de exploração de material de uma piçarreira, cujos valores seriam bastante elevados.

Promotores pediram apoio da Polícia Civil para garantir a busca e apreensão de documentos e equipamentos, considerados essenciais às investigações.

Há ainda informes de que o Ministério Público teria fortes indícios do direcionamento de uma licitação em obras, no valor de R$ 19 milhões, vencida por empresa do suposto esquema fraudulento.