Morte desgovernada no trânsito louco de Marabá

Publicado em 23 de janeiro de 2012

 

 

Em seu segundo artigo encaminhado ao blog, a Bacharel em Direito  Lívia Rodrigues Mesquita aborda a violência no trânsito – dedicando parte de suas preocupações ao trânsito de Marabá.

Apegada a exemplos de mortes recentes ocorridos nas ruas da cidade e aos dados estatísticos que mostram a transformação das vias públicas em verdadeira arena de morticínios, Lívia revela que, em dez anos, o índice de acidentes fatais envolvendo jovens cresceu 30%.

Alarmante, sob qualquer leitura, a perda de tantos jovens. “A vida perde seu valor, e, números inexatos de famílias mudam para sempre suas histórias”, registra, emocionada, num dos parágrafos da matéria, que será publicada em duas partes.

Nesta segunda-feira, 23, o blog publica “A morte pede passagem no trânsito louco de Marabá” , de Lívia Mesquita.