Hiroshi Bogéa On line

Ministro da Integração sobrevoa áreas em situação de emergência em Marabá

O ministro da Integração Nacional, Pádua Andrade, assegurou nesta segunda-feira (16) o envio de kits de ajuda humanitária para famílias afetadas por fortes chuvas em Marabá, no Pará.

Acompanhado de técnicos da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (Sedec), o ministro sobrevoou áreas atingidas e se reuniu com o prefeito da cidade, Tião Miranda, para tratar de ações de recuperação e medidas preventivas que possam minimizar os impactos de desastres naturais; mantendo contato direto com flagelados (foto acima)

No domingo (15), a comitiva federal esteve em José de Freitas e Campo Maior, municípios do Piauí também afetados por chuvas intensas.

“O Ministério da Integração Nacional tem atuado desde o início para prestar todo apoio necessário aos municípios afetados. Além da entrega de kits de assistência humanitária, a Defesa Civil Nacional está empenhada em auxiliar essas cidades na recuperação dos danos causados pelas chuvas e por inundações”, afirmou o ministro.

Os kits emergenciais disponibilizados pela Sedec incluem cestas básicas, produtos de limpeza e de higiene.

No Pará, dez municípios estão sendo atendidos.

Ainda de acordo com o ministro Pádua Andrade, as ações de resposta são apenas a primeira etapa do apoio prestado pela Pasta.

“Nossas equipes também estarão a postos para os para projetos de recuperação dos danos e de prevenção a desastres naturais”, reforçou.

Após o reconhecimento federal de situação de emergência, os municípios devem enviar um relatório com o diagnóstico dos danos e um Plano de Trabalho com proposta de obras e serviços, que serão analisados pela Defesa Civil Nacional.

Ao lado do prefeito Tião Miranda (foto), além de conhecer as áreas alagadas, o ministro fa Integração tratou do início das obras de prevenção.

Pádua reafirmou o empenho da Pasta na execução do projeto de prevenção da orla de Marabá. A ação emergencial prevê obras de infraestrutura portuária e de proteção das margens dos rios Tocantins e Itacaiúnas.

Cerca de R$ 42 milhões serão destinados a intervenções que deverão minimizar os danos causados pelas cheias.

Serão construídos 1.476 metros de cais de contenção para prevenir inundações e desmoronamentos nos bairros de Francisco Coelho, Folha 33 e Amapá.

As três localidades são frequentemente afetadas pelas cheias dos rios. Também serão implantados muro de contenção, plataformas e rampas de cargas pesadas e leves.

Além das medidas preventivas, as melhorias irão beneficiar pescadores, pequenos comerciantes e barqueiros com novas estruturas que irão assegurar o acesso e trafegabilidade até residências, escolas, comércio local e unidades de saúde.

A primeira etapa do cais de contenção foi iniciada pela Prefeitura com a construção da Orla Sebastião Miranda.

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *