Me chamo Raimundo

Publicado em 13 de julho de 2010

Se a Justiça impedir o registro das candidaturas de Sebastião Ferreira e Bernadete ten Caten, ambos do PT, quem lucrará com seus efeitos são dois Raimundo:
O primeiro, Raimundo de Oliveira Filho, ex-superintendente do Incra no Sul do Pará.

O outro, Raimundo Nonato (Nonatinho), ligado a Fetraf, com domicilio em Marabá.

A Federação dos Trabalhadores na Agricultura Familiar aposta  em duas candidaturas para a Assembléia Legislativa. Além de “Nonatinho”, o movimento social quer eleger Pedro Aquino, ex-Superintendente do Incra, em Santarém.

“Chico da CIB”,  comandante-mor da Fetraf no Estado, está empenhado pessoalmente nas campanhas dos dois candidatos.