Maurino não assumirá Dnit

Publicado em 27 de setembro de 2013

 

O  sonho do ex-prefeito Maurino Magalhães de assumir a chefia da 2ª Unidade de Infra-Estrutura do Dnit, em Marabá, esbarrou numa objeção técnica.

Por não ter curso  de Engenharia, o nome de Maurino  foi vetado.

Mas nem tudo está perdido, na visão  de poder do ex-prefeito: a ele foi concebido o direito de indicar o nome de um engenheiro para assumir o cargo que não lhe coube.

O apadrinhamento do nome de Maurino Magalhães é da responsabilidade do ex-vice-prefeito de Belém, Anival Vale; e de seu filho, o deputado federal Lucio Vale, ambos do PR, mesma legenda do ex-prefeito