Maurino: – "Minhas contas foram aprovadas"

Publicado em 26 de janeiro de 2011

Direto de Belém, pelo telefone, Maurino Magalhães disse que seus advogados entarão com recurso ainda hoje no Tribunal Regional Eleitoral, tentando reverter a decisão do juiz Cristiano Magalhães, que lhe cassou o mandato de prefeito de Marabá baseado em denúncias de formação de caixa dois, durante a campanha de 2008.

Confiante de que o TRE “restabelecerá a verdade nessa questão”,  Maurino entende que a decisão do juiz da 23a Zona Eleitoral  foi equivocada, ao alegar reconhecer a existência de caixa dois. Para ele há um despropósito na questão, considerando que “a minha campanha eleitoral foi  uma das poucas que tiveram as contas aprovadas, minhas contas foram aprovadas!”

Aparentando tranquilidade, Maurino Magalhães declarou lamentar que “isso tudo ocorra no exato momento em que as contas da prefeitura foram praticamente todas pagas, e estarmos vivendo  clima de otismismo em relação ao número de obras que iremos deslanchar este ano”, marcando de vez, positivamente, a sua administração.

“Eu não tenho nenhuma dúvida de que o pior já passamos, temos aprovado um calandário de obras importantes para a cidade e que nos próximos dois anos iremos mudar totalmente a cara urbana de Marabá”, disse, acrescentando estar confiante em seu retorno à prefeitura nos próximos dias.