Marabaenses revoltados com transferência de padre africano

Publicado em 27 de novembro de 2012

 

 

A comunidade do Núcleo da Velha Marabá está se preparando para realizar diversos eventos na cidade em protesto contra a transferência do padre Mbaku Bhonõi César. Ele é considerado o melhor pároco que já trabalhou naquele núcleo, sendo responsável pela recuperação física das igrejas locais e atuante evangelizador.

Durante homilia da celebração dominical passada, padre César confirmou aos católicos sua transferência, provavelmente para o Congo.

Em todo o transcorrer da missa, religiosos manifestaram o carinho pelo padre africano, havendo registro de choro e declarações de pedidos para a permanência do padre na cidade.

Eventos que começarão a pipocar na cidade envolverão  abaixo-assinado da comunidade pedindo a manutenção de César e uma procissão por todo o Núcleo Velha Marabá.

Advogado Sebastião de Souza Castro, um dos coordenadores do movimento “Fica, Padre César!”,  garante que Mbaku Bhonõi “é o padre mais atuante que ássou aqui pelo Núcleo, nos últimos 40 anos, sabendo levar seu rebanho, não apenas com evangelização, mas realizando importante trabalho paroquial jamais visto”.