Hiroshi Bogéa On line

Marabá, terra do aço

Exatamente às 20 horas de sábado, 10, a Sinobrás colheu a primeira produção de aço de seu parque industrial em fase de construção. Quarenta toneladas de aço em forma de tarugo foram expelidos de seu alto forno.

A aciaria ativada processa o refino, através do uso de ferro gusa e sucata carregados em forno elétrico para a obtenção do aço líquido. Na fase final deste processo, no lingotamento contínuo, o aço líquido é solidificado na forma de tarugos de aço, que é mais um produto semi-acabado.

Até dezembro, a indústria deverá inaugurar as duas outras fases: laminação e trefilaria. Na laminação, o tarugo de aço será transformado em produtos siderúrgicos prontos para utilização, com produção de barras de aço, vergalhões para construção civil, e fio máquina.

Na trefilaria, haverá produção de arames industriais, arames para construção civil e arames recozido, treliças e telas eletro soldadas também destinadas à construção civil.

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *