Hiroshi Bogéa On line

Marabá tem 6% de servidores não concursados

 

 

Ocupando a  65a. posição no ranking dos municípios paraenses que mais incham a máquina pública,  Marabá contribui com 6% do seu total de servidores públicos sem concurso.

O campeão da folha de servidores com status de comissionados é Rio Maria, no Sul do Pará, com  51% de servidores nomeados – seguido de Ananindeua com 37%.

A capital do Estado ostenta 10% de sua folha com servidores não concursados.

Os dados são do IBGE.

Post de 

5 Comentários

  1. Anonimo

    21 de novembro de 2012 - 20:26 - 20:26
    Reply

    Se voce nunca foi pesquisado pelo IBGE azar seu, sinal que voce não existe.

  2. Nunca fui pesquisado pelo IBGE

    20 de novembro de 2012 - 19:34 - 19:34
    Reply

    Caro Hiroshi,
    O IBGE nessa região não me dá muita credibilidade, pois eu, minha família, meus vizinhos, vizinhos do meus familiares e vários amigos não sabem nem como é a cor do colete e do crachá de um recenseador do IBGE.
    Marabá tem, seguramente, mais de 300 mil habitantes. Basta ver o fluxo de pessoas e veículos da cidade, pois cidades com menos de 400 mil habitantes não possuem esse ritmo marabaense.
    E quem conhece a Prefeitura de Marabá sabe o quanto tem neguinho mamando e contratado por acordos políticos.

  3. Gláucio

    20 de novembro de 2012 - 11:04 - 11:04
    Reply

    Hiroshi,

    Os dados são do IBGE, o que garante credibilidade para a informação, mas tem que verificar como que foram classificados todos os servidores que estão na administração direta sem ter sido aprovados em concurso público.
    Parauapebas tem 5421 contratados, nem todos comissionados, mas todos sem passarem por concurso, na administração direta. O IBGE deve ter sido considerados apenas os comissionados, excluindo os que estão em contratação temporária, também sem concurso e todos apadrinhados políticos.

  4. Marabá

    19 de novembro de 2012 - 17:34 - 17:34
    Reply

    Hiroshi Bogea, acho estes dados de que o número de servidores sem concurso público é de 6% estão desatualizados, pois quando o Nagib Mutran assumiu a prefeitura só no gabinete do prefeito foram mais de 200 exonerações (assessores), no todo se esperava mais de 800 exonerados somente os comissionados, contando com os servidores contratados nas secretarias este número deve ficar bem maior, estes o prefeito não pode exonerar devido a Lei Eleitoral.

    • Hiroshi Bogéa

      19 de novembro de 2012 - 17:55 - 17:55
      Reply

      Os dados são do IBGE.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *