Hiroshi Bogéa On line

Marabá asssina adesão ao Plano Juventude Viva

O prefeito João Salame esteve presente na cerimônia de inauguração da Casa da Juventude Marabaense (Cajum).

No evento, prefeito assinou o contrato de adesão voluntária da cidade de Marabá ao Plano Juventude Viva, do Governo Federal. Com isso o município se compromete em desenvolver políticas públicas para prevenir o genocídio da juventude, em especial aquela de origem negra, reconhecidamente a mais atingida por um alto índice de mortalidade.

O evento contou com a participação de Fernanda Papa, representante da Secretaria Nacional da Juventude, além de um grande número de grupos jovens de Marabá e região. “A inauguração dessa casa significa um novo futuro para a juventude marabaense, possibilitando um local para reunir essa turma que tem ideias que podem mudar o nosso país”, disse Jonas Souza, presidente da Cajum.

“Essa adesão voluntária é uma vitória para toda a juventude negra de Marabá, que foi a única cidade do Norte do Brasil que aderiu ao Plano”, disse a representante Fernanda Papa.

“Marabá agora firma um compromisso com nossa juventude negra, que os números vêm mostrando que morrem mais do que a juventude branca. É nossa chance de mudar essa triste história, que faz do nosso município o 21º em índice de mortalidade em todo o país”, disse o prefeito João Salame.

A festa de inauguração durou todo o sábado, com apresentações culturais e a participação dos caratecas da Liga Paraense de Karatê Interestilos (Lipaki).

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *