Macrodrenagens de Marabá incluídas no PAC

Publicado em 31 de outubro de 2011

 

 

Finalmente, Marabá ganhará seus primeiros projetos de macrodrenagem.

Dois mega projetos que contemplarão a Grota Criminosa e a Grota do Aeroporto, levando benefícios a cerca de 30 mil pessoas, foram incluídos no PAC, semana passada, em solenidade de vídeo-conferência ocorrida em Belém e Brasília, que contou com a participação de representantes da Caixa Econômica, Cosanpa, Ministério das Cidades e da Prefeitura de Marabá, representada pelos secretários Lucídio Colinetti (Obras) e Glenio Benvindo (Planejamento).

Os bem elaborados projetos técnicos de Marabá facilitaram a inclusão dos investimentos no Programa de Aceleração do Crescimento, enquanto doze outros municípios paraenses não tiveram seus projetos agregados ao PAC em face do não atendimento às exigências técnicas do Ministério das Cidades.

Os projetos de macrodrenagem do Aeroporto e Criminosa totalizam R$ 192 milhões.

A partir desta terça-feira, o Ministério das Cidades dará publicidade, no Diário Oficial,  às quatro subdivisões dos projetos.

Convênios com a prefeitura de Marabá serão assinados até o dia 15 de novembro.

A primeira fase das duas macrodrenagens contempla canalização de igarapés, deslocamento de moradores residentes às suas margens, construção de dignas habitações e urbanização das laterais dos córregos, com implantação de drenagem, esgoto, água potável e pavimentação.

Obras garantidas pelo PAC, com contrapartida do município.