Lustrando a governabilidade

O blog tratou desse mesmo tema ano passado, depois de ouvir o Chefe da Casa Civil, Charles Alcântara. Agora, a posição é ratificada pela própria governadora nas conversas com seus secretários.

Nos municípios onde a disputa pelas prefeituras ocorrer entre candidatos de partidos da base aliada, o governo não moverá um sopro para beneficiar este ou aquele. Mais: secretários serão proibidos pela comandante-em-chefe de subir em palanques.

As chamadas questões localizadas ficarão restritas.

Decisão já tomada por Ana Júlia foi comunicada aos seus mais diretos.