Léo conversa com familiares e pode deixar UTI, hoje

Publicado em 28 de dezembro de 2012

 

 

Esta sexta-feira, 28, foi especial na vida da família Rocha.

Leonildo Rocha, presidente do Grupo Leolar, reconheceu  todos os familiares  que se encontram em São Paulo, acompanhando seu tratamento.

Com alguns, chegou até a conversar.

O momento de interação dele com a família foi visto pela equipe médica que o acompanha, “o maior avanço de todo o tratamento da pneumonia”, conforme revelou há pouco Andrey Rocha, filho de Léo.

A infecção nos dois pulmões foi completamente debelada.

Léo se restabelece agora do excesso de sedativos ministrados durante o tempo em que ele permanece na UTI.

Em conversa com o poster,  Andrey Dimitry Rocha  não escondeu a emoção ao revelar o sentimento de gratidão que a sua família  tem  diante das manifestações do povo de Marabá,  e de populares de outros municípios do Pará.

“Isso é um gesto que ninguém paga, não há dinheiro no mundo: a preocupação das pessoas com a saúde de meu pai. Além de um ensinamento de forte base solidária, a reação de cada um é a comprovação de que tudo o que meu pai constrói tem ligações humanistas, é um trabalho voltado não apenas à construção material, de negócios, mas onde pontifica, também, o querer bem as pessoas. Meu pai é querido porque ela faz o bem”.

É provável que  ainda hoje Léo deixe a UTI.

———————–

Atualização às 19:42

 

Depois de falar com o filho de Léo pelo celular, o poster omitiu, involuntariamente, alguns detalhes da conversa, não anotados.

Agora mesmo, o blog recebeu emeio de  Andrey Dimitry,  reforçando  informações repassadas pelo celular.

O  emeio de  Andrey:

Hiroshi, muito importante comentar que entre os familiares que estiveram com meu pai, aqui no hospital, destacamos a presença dos pais dele, Onildo Rocha e Ieda Rocha, suas irmãs, Marta e Liana, sua cunhada Sheila e Manoel, seus sobrinhos, genro e nora.

E, também, lembrar que esta tarde ele já ficou em pé e que neste momento está super confortável sentado na poltrona do quarto.

A família reforça mais uma vez agradecimentos a todos os que nos cobrem de orações e carinhos, dedicados a este momento tão difícil.

Hiroshi, obrigado a você,  também, pela energia e força.

Andrey Dimitry