Lavagem cerebral

Publicado em 7 de dezembro de 2007

No momento em que a Justiça passa a reconhecer em diversos países – inclusive o Brasil -, o direito de herança por união homossexual, uma tal de Frente Parlamentar Evangélica, cujo vice-presidente é o deputado federal Zequinha Marinho (PMDB), anuncia grande barulho para o dia 14 de dezembro, em Belém, sob forma de seminário e manifestação pública, que tem por objetivo explícito discutir pedofilia, aborto, eutanásia, drogas, prostituição infantil e, veja só, homofobia.

Na mesma data, seria interessante a mobilização da sociedade gay do Pará para se opor ao festival de hipocrisia projetado. Não é de bom tamanho deixar os espertos marmanjos “evangelizadores” cantando de galo.

Chico Buarque lembra que “malandro é o Rei da ralé”.