Julgamento de Vavá Mutran adiado, outra vez

Publicado em 8 de junho de 2011

 

A promotora Vânia Fortes Bitar acatou o pedido de habeas corpus dos advogados de Vavá Mutran, sob alegação de insanidade mental, e suspendeu o julgamento dele que estava marcado para ocorrer hoje, dia 9, em Belém..

Não há previsão de quando e se haverá julgamento. É preciso, primeiro, que o habeas corpus seja confirmado ou não pelo TJE.

Vavá é acusado do assassinato do menino David Ferreira de Abreu, crime que ocorreu em 2002, e prescreve em menos de um ano.