Jatene promete endurecer com PMDB

Publicado em 26 de janeiro de 2011

Pelo menos a quatro  interlocutores da base aliada reunidos com Simão Jatene (PSDB) nas últimas horas,  cobrando dele atitude mais incisiva contra a manifestação de alguns deputados dispostos a votarem numa candidatura do PMDB à presidência da Assembleia Legislativa, o governador demonstrou não estar disposto a passar recibo de mofino, diante da situação.

Uma das cenas: deputado de partido contemplado com cargo no governo, fez a seguinte colocação:

  – Governador, é inadmissível o PMDB querer também ficar com a presidência da AL. Já foram beneficiados com secretarias importantes de seu governo, e brigar agora pelo controle do legislativo…


Reação de Jatene, ipsi litteris:

   – Eu não vou aceitar isso, nao! Eu tenho a caneta na mão. Se for preciso ir ao extremo, demito quem quer seja. Vou pro f…. – se.

E completou a frase com um sonoro palavrão.