Hiroshi Bogéa On line
Post de 

8 Comentários

  1. anonimo

    12 de novembro de 2011 - 09:46 - 9:46
    Reply

    para pagar o piso aos professores nao tem dinheiro, mas para o filho do flexa teria ou menlhor tem?

  2. A Força do SIM...

    11 de novembro de 2011 - 20:45 - 20:45
    Reply

    Nossa, que atitude de estadista!!!
    Isto é que é exemplo!!!
    Hummmm…tá bom, governador de Belém!
    Vem com essa “jaca” pra cá!
    Nós vamos mesmo cair nessa!
    E o tal do Ney Messias que passou a ser um jornalista que simplesmente vive pra servir essa gente!
    Como é que um jornalista dessa estirpe se presta a isso.
    Ho, my god!

  3. Roberto

    11 de novembro de 2011 - 10:10 - 10:10
    Reply

    O Celio tem razão, ele cancelou só porque vazou, se não vazasse o contrato ia ser feito normalmente. Essa tucanalha!!!

  4. anonimo

    11 de novembro de 2011 - 08:45 - 8:45
    Reply

    Alguem viu,teve noticias ou ouviu falar por ai de alguma obra do desgoverno Jatene .

  5. Célio

    10 de novembro de 2011 - 22:58 - 22:58
    Reply

    Cancelou porque vazou.

  6. João Costa

    10 de novembro de 2011 - 22:26 - 22:26
    Reply

    A Tucanalha, voltou com muita Sede de Dinheiro.

  7. Anônimo

    10 de novembro de 2011 - 15:14 - 15:14
    Reply

    Resta ao ilustre governador do povo paraense exonerar esse seu assessor que prejudica sua administração. Qualquer governante deve tomar essas medidas saneadoras. Vá em frente governador faça uma devassa e exonere seu assessor.

  8. Anônimo

    10 de novembro de 2011 - 11:58 - 11:58
    Reply

    ah tá, ele não sabia… Deveria ser assim “após tomar conhecimento que a mídia descobriu que o filho do senador Flexa Ribeiro (PSDB) alugara uma casa de sua propriedade à secretaria estadual de Saúde, o governador Simão jatene determinou cancelar o contrato.”

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *