Hiroshi Bogéa On line

Ipea apresenta estudos

Terminou às 13 horas a apresentação dos estudos sócioeconômicos de viabilidade dos estados de Carajás, Tapajós e Pará remanescente, realizado no auditório do Ipea (Instituto de Pesquisa e Estudos Aplicados), em Brasília (foto). O diretor de Estudos Regional e Urbano, José Aroldo Mota, expôs durante duas horas os dados levantados pela sua equipe do Ipea,diante dos deputados federais Giovanni Queiroz (PDT), Asdrubal Bentes, Zequinha Marinho (PMDB), e Lira Maia (DEM), além de representantes da deputada Bel Mesquita e do senador Mozarildo Cavalcanti (PTB-RR). Demais deputados da bancada paraense não se fizeram presentes e nem mandaram representantes – apesar de convidados.

Post de 

5 Comentários

  1. Anonymous

    26 de maio de 2007 - 06:44 - 6:44
    Reply

    SERÁ QUE O ESTUDO A PONTA A VIABILIDADE DFA DINHEIRAMA PRA ELEGER POLITICOS…

    ESTADO DE CARAJÁS NA VERDADE NÃO PASSA DE UMA FORMA DE MANIPULAR O POVO E MUITO POLITICO SAFADO GANAHR DINHEIROS FACIL COM ELEIÇOES FACEIS

  2. Val-André Mutran

    19 de maio de 2007 - 06:09 - 6:09
    Reply

    Ademir. O Estudo tá no teu e-mail.
    ABS.

  3. Anonymous

    18 de maio de 2007 - 17:50 - 17:50
    Reply

    Pelo menos agora aqueles que são contra a criação dos novos estados não terão desculpa dsa falta de estudos sérios sobre o assunto. O Ipea é um órgão sério que não se colocaria ao interesse de qualquer causa que não seja a pesquisa, os estudos e a discussão das tendencias socioeconomicas sérios.

  4. hiroshi

    18 de maio de 2007 - 14:41 - 14:41
    Reply

    Eu? Sim, tenho dado Bom Dia, Boa Tarde, Boa Noite… Se queres saber de “dados” dos estudos, vou te passar quando estiver em Marabá.
    AQbs

  5. Quaradouro

    18 de maio de 2007 - 12:16 - 12:16
    Reply

    E então?
    Tu tens dado?

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *