Hiroshi Bogéa On line

Ip-Urra!!!

Numa provocação aos intermináveis encontros, seminários e conferências promovidos pelo governo Ana Júlia, o prefeito de Marabá batizou o pacote de obras em execução na cidade de PRP – Plano de Realizações Participativo.
Graduado auxiliar de Sebastião Miranda explica que o PRP simboliza o trabalho e a produção. “Enquanto alguns preferem ficar no blá-blá-blá e nhen-nhen-nhen, nós preferimos seguir no Ip-Urra!, comemorando o surgimento de obras pelos quatro cantos do município”, goza. E relaxa.

—–
A propósito, nesta quinta-feira, Sebastião Miranda assina convênios com a Companhia Vale do Rio Doce no valor de R$ 10,5 milhões destinados a infra-estrutura, saneamento, saúde e educação. Por onde se anda, se vê obras na cidade. Essa movimentação será agora mais encorpada.
Somente este ano, a prefeitura de Marabá investe cerca de R$ 26 milhões no município. Recursos próprios e federais. Do Estado, até agora, entrou bulhufas.

Post de 

3 Comentários

  1. Anonymous

    4 de agosto de 2007 - 01:51 - 1:51
    Reply

    Concordo com o anonimo 2:556…qual a obra do Tiao, em discussão com o povo de Marabá? Ele decide tudo na secretaria de obras com o Lucídio… E olhe lá. Na verdade, so ele e o Franco quem decidem.

  2. Anonymous

    2 de agosto de 2007 - 17:56 - 17:56
    Reply

    Qual é a obra que o seu Tião Miranda pode apontar como sugerida pela comunidade de Marabá? Nenhuna! Ele é um centralizador de ações que decide tudo sozinha no gabinete cercado por baba-ovos. Esse tal de PRP é uma grande enganação.

  3. Val-André Mutran

    2 de agosto de 2007 - 12:19 - 12:19
    Reply

    E como poderia entrar Hiroshi se o tacho tá vazio.

    O Estado está quebrado, não tem dinheiro e a grana do PAC é só promessa.

    Vai ser uma beleza de governo.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *