Hiroshi Bogéa On line

Igualmente igual

Nos papos comuns de mudança de Ano, uns falam em dar “um sentido pra vida”, quando o correto, hoje, é sentir, realmente, o enlevo de estar vivo. Outros não se esquecem de dizer que, a partir do dia 2 de janeiro, iniciarão dieta dura para a perda dos pesos a mais. Nem bem começam, terminam.

Promessa de ano novo é igual promessa de político: ninguém cumpre.

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *