Helder e Edmilson firmam parcerias em favor de Belém

Publicado em 12 de janeiro de 2021

Quando governador e prefeito falam a mesma linguagem, todos ganham.

O Município, o Estado e, claro, a população.

É o que está ocorrendo agora em Belém, onde Helder e Edmilson  firmam parcerias em favor da cidade.

Hoje, como exemplo, Helder Barbalho garantiu que publicará edital  para a licitação que resultará na construção do PSM da Augusto Montenegro.

O novo pronto socorro da capital deverá ter 110 leitos.

A agenda oficial fez parte da programação pelo aniversário de 405 anos de Belém.

Às 11h, um ato com a presença de Helder e Edmilson marcou de entrega da segunda etapa do canal do Tucunduba pelo governo do Estado.

A ação agora é feita em parceria com a Prefeitura Municipal de Belém, por meio da Secretaria Municipal de Urbanismo – órgão que será responsável pela iluminação na via pública. Edmilson e Helder se encontraram em trecho da Tucunduba com Passagem Vilhena, na mrgem direita do canal do Guamá.

O titular da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas (Sedop), Rui Cabral, diz que a parceria do Estado com a nova gestão da Prefeitura Municipal de Belém tem planos para entregar 400 unidades habitacionais para pessoas remanejadas, ao valor de R$ 52 milhões.

O secretário explicou que o Tucunduba tem três fases, num trecho de 2,2 quilômetros. A primeira vai da São Domingos até a Mundurucus, que teve a parte urbanística concluída e daqui 100 dias será entregue totalmente, em abril, com estação de tratamento de esgoto e elevatórias. Um mês adiantada.

A segunda fase, entregue hoje, foi o trecho Mundurucus  até 2 de Junho. A entrega foi feita com dois meses de antecedência. A fase, da 2 de Junho até a Vileta, três será entregue no primeiro trimestre de 2022 completa, com quatro meses de antecipação.