Hiroshi Bogéa On line

Helder anuncia data para entrega da nova Ponte Rio Moju: 31 de janeiro

 

                                                              Estamos acompanhando de perto as últimas etapas da reconstrução da ponte sobre o Rio Moju. Aqui o trabalho não para! Equipes trabalhando 24 horas por dia, sete dias na semana. Uma força tarefa para devolver a trafegabilidade, na região, para a população do Pará o quanto antes. Durante a visita de hoje  (domingo, 19) com o governador Helder Barbalho,  definimos que a inauguração será no próximo dia 31. Uma obra construída em sete meses, um recorde quando observamos toda complexidade que envolveu esse trabalho.

Ponte será reintegrada ao complexo Alça Viária
Helder Barbalho e secretários conferiram os últimos detalhes da nova ponte

Declaração é do secretário de Transportes, eplo telefone, durante a visita do governador Helder Barbalho às obras de construção da ponte sobre o rio Moju, neste domingo – e quando foi definida a data exata de entrega da ponte à comunidade.

Notícia muito esperada, principalmente pela população que reside nos municípios localizados ao Sul e Sudeste do Estado, mais afetada pela queda da ponte.

A data de entrega da nova Ponte Rio Moju, no complexo Alça Viária,  foi nunciada pelo governador Helder Barbalho na manhã deste domingo (19), após mais uma vistoria às obras feita pela equipe de governo.

Operários mantêm o ritmo na fase de acabamento para a conclusão da obra
Em regime full time, secretário Pádua e auxiliares marcam presença diária acompanhando os trabalhos na ponte

O chefe do Executivo ressaltou que a conclusão da ponte em tempo recorde só foi possível com o comprometimento de todos.

“Estamos aqui domingo, segunda, dia e noite, sempre trabalhando para concluir a ponte que vai trazer mais integração ao Estado. Com o nome de ‘União’, será o nosso símbolo de comprometimento com a sociedade, que trabalhou junto para conseguir este feito”, disse Helder Barbalho, acentuando a celeridade com que foi reconstruída a ponte, derrubada em abril do ano passado após uma balsa bater em um dos pilares.

A nova denominação também é um reconhecimento do Estado a todos os órgãos que se uniram para devolver à população o mais rápido possível, e com segurança redobrada, um dos mais importantes elos da malha viária do Pará.

O governador Helder Barbalho (c), os secretários Pádua Andrade (e) e Iran Lima (d), e a prefeita de Moju, Nilma Lima, durante a vistoria às obras da ponte

Neste final de semana foi finalizada a última etapa da estrutura, com a concretagem das lajes do tabuleiro da margem direita.

A partir desta semana, a obra entra na fase de acabamento, com a instalação dos aparelhos de apoio de extremidades, concretagem dos guarda-rodas e pavimentação asfáltica, sinalização e realização dos ensaios dinâmicos, para avaliar o desempenho estrutural da ponte e a proteção das fundações dos apoios, nos dois canais de navegação.

A ponte, que receberá o nome de ″União″, já está religada e pavimentada

“Estamos entrando na fase de conclusão com o trabalho de acabamento. No prazo que estipulamos, conseguimos realizar os serviços com segurança para devolver à população uma importante obra”, frisou o secretário de Estado de Transportes, Pádua Andrade.

Após essa etapa, estará concluída uma das mais complexas e rápidas obras de engenharia do Estado, que restabelecerá o tráfego na Alça Viária, principal via de integração das regiões Metropolitana de Belém e nordeste ao sul e sudeste do Pará.

Operários mantêm o ritmo na fase de acabamento para a conclusão da obra

 

“Estamos mostrando aos investidores que o Pará está interligado para receber investimentos e desenvolvimento. A conclusão da ponte vai permitir que nossos produtos circulem por todo o Estado com maior facilidade”, informou Iran Lima, secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, Mineração e Energia.

A reconstrução do trecho de 268 metros da ponte gerou 550 empregos diretos e 450 indiretos. ( Com informações e fotos da Agência Pará)

 

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *