Guerra à vista

Publicado em 25 de novembro de 2008

A diretoria do Águia tem a garantia de dois especialistas em Direito esportivo de que é perfeitamente possível, no TJD, retirar do Duque de Caxias a vaga que ele conseguiu para disputar a Série B do Brasileiro. À luz da legislação, o time do Rio de Janeiro deveria ser punido com sua não participação no campeonato de 2009 devido o famoso jogo do “cai-cai”, em Rio Branco, quando a equipe, empatando com o time da casa, e com três jogadores expulsos, recebeu orientação de seu treinador para simular contusões, até a suspensão definitiva da partida, pelo ábritro, por insuficiência de jogadores em campo.

Há jurisprudência no TJD de punição a equipe que simule “cai-cai” com seu afastamento do campeonato do ano subseqüente aos fatos registrados, ocupando o lugar do time apenado a equipe classificada logo a seguir, no mesmo torneio.

É o caso do Águia, classificado em quinto lugar na Série C, por apenas um gol average a menos, em relação ao  Duque de Caxias.