Governo do Pará solicita apoio para compra de vacinas ao embaixador dos EUA

Publicado em 5 de março de 2021

O governador Helder Barbalho (MDB) fez um apelo ao governo do presidente Joe Biden, dos Estados Unidos, para que auxilie na aquisição de vacinas para a região amazônica. A solicitação foi realizada, nesta sexta-feira (5), durante uma reunião entre os representantes dos estados da Amazônia Legal e o embaixador dos Estados Unidos no Brasil, Todd Chapman. O governador do Pará pediu “apoio político e institucional” para que os imunizantes possam chegar à população amazônica.

O governador Helder Barbalho (MDB) fez um apelo ao governo do presidente Joe Biden, dos Estados Unidos, para que auxilie na aquisição de vacinas para a região amazônica. A solicitação foi realizada, nesta sexta-feira (5), durante uma reunião entre os representantes dos estados da Amazônia Legal e o embaixador dos Estados Unidos no Brasil, Todd Chapman. O governador do Pará pediu “apoio político e institucional” para que os imunizantes possam chegar à população amazônica.

“Nós não estamos pedindo vacina, nós estamos pedindo o apoio político, institucional para que os Estados Unidos possam nos ajudar a comprar vacina e, com isso, garantir que possamos proteger a nossa população. Esse é o apelo que lhe faço, olhem pelos amazônidas e ajudem a salvar a população da Amazônia com a mesma dimensão da preocupação que os Estados Unidos têm para salvar a floresta, em face da importância da Amazônia para o clima do planeta”, disse o governador durante a videoconferência.

O chefe do Executivo estadual paraense pediu ainda que autoridades americanas ajudem o Brasil na articulação junto a laboratórios que já têm vacinas com eficácia comprovada contra a covid-19 e que “façam um gesto sanitário e de vida com os amazônidas e com os brasileiros”.

A embaixada americana sinalizou investimentos em importantes áreas: educação, segurança pública e saúde.

“Nós estamos completamente abertos para oferecer as melhores vacinas do mundo, com as melhores tecnologias que usamos e eficácias. Queremos trabalhar com vocês e cumprir com as normas legais do país, e que as empresas possam negociar diretamente com os estados no momento certo. Entendo que a prioridade dos governadores é a saúde de sua gente. Vamos fazer isso como parte do diálogo do governo americano com a embaixada, junto com os seus governos estaduais”, declarou o embaixador Todd Chapman.