Hiroshi Bogéa On line

Gênio Luiz, analfabeto

Em agosto próximo, faz dez anos da morte de Luiz Gonzaga, o Velho Lua – Rei do Baião. O blog, amante da obra criadora do artista de Exu, aos domingos estará sempre relembrando algumas canções maravilhosas que ele compôs ao lado de Humberto Teixeira e de outros criadores nordestinos.

Gonzaga ajudou a fixar o baião e seus derivados no imaginário coletivo do brasileiro.
O pai dele, Januário Gonzaga, foi um dos melhores sanfoneiros da época, condição esta retratada na obra “Respeita Januário”, que conta, com muito humor, a reação do pai às qualidades do filho como instrumentista do velho fole.
O gostoso é o solo narrado de Luiz, valorizando as expressões do homem sertanejo e sua sincera identidade de falar a verdade somente a verdade.

Respeita Januário é uma obra prima do cancioneiro nacional.

Post de 

0 Comentários

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *