Fora do gramado

Publicado em 16 de fevereiro de 2011

Giovanni Queiroz (PDT) acaba de gravar entrevista, em Brasília, declarando voto contrário ao salário mínimo de R$ 545,00.

Como se posicionou oficialmente contra o governo, deverá ter vida à pão e água, a partir de agora, na gestão Dilma Roussef.